Ir para conteúdo principal

Projeto “Justina” é finalista de prêmio nacional de comunicação

Projeto “Justina” é finalista de prêmio nacional de comunicação

O Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça reconhece os melhores trabalhos realizados pelas assessorias de comunicação de todos os órgãos ligados à Justiça do país. Em sua 15ª edição, selecionou seus finalistas entre mais de 270 trabalhos inscritos.

Na categoria “Inovação”, o projeto “Justina – a vida de uma trabalhadora como você”, do TRT-2, é um dos três finalistas. Eles competirão pelo prêmio que será anunciado no encerramento do Congresso Brasileiro de Assessores de Comunicação da Justiça (Conbrascom) 2017, em cerimônia às 21h do dia 30 de junho, em Maceió-AL.

Justina

A ideia era passar informações referentes ao trabalho e à atuação do TRT-2 na vida dos trabalhadores, de uma maneira mais acessível e direta. O meio foi criar uma personagem que os representasse, e que contasse sua própria trajetória profissional desde o início.

“Justina” foi veiculada em página própria do Facebook, de janeiro a dezembro de 2016. Retratada dos 15 aos 35 anos, ela postava e interagia, de acordo com suas diversas fases: foi menor aprendiz, estagiária, celetista, demitida, pequena empresária e executiva. Em cada uma delas, com a devida consultoria do corpo de especialistas do TRT-2, aproveitou para dar diversas dicas e esclarecimentos acerca dos direitos e deveres relacionados ao trabalho, tanto dos empregados quanto dos patrões.

Os dois outros finalistas da categoria Inovação são: "Juiz de direito: cidadão e servidor", da Associação Alagoana de Magistrados (Almagis), e “Juridiquês”, do Tribunal de Justiça do Maranhão. Os finalistas de todas as categorias concorrerão, também, ao “Grande Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça”, que será concedido ao trabalho melhor avaliado, em processo de julgamento que reunirá notas do júri técnico e do júri popular.

Texto: Alberto Nannini – Secom/TRT-2