Ir para conteúdo principal

Objetos e documentos perdidos nas unidades do TRT-2 podem ser procurados em setor específico

Objetos e documentos perdidos nas unidades do TRT-2 podem ser procurados em setor específico

A partir de agora, quem perder objetos e documentos nas instalações do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2) pode tentar encontrar o material nas seções de segurança das unidades. A medida foi tomada devido à quantidade expressiva de objetos encontrados nas dependências do TRT-2. Segundo o diretor de Secretaria de Segurança Institucional, Elton Boulanger, alguns "estão guardados há mais de um ano, e as pessoas não vão buscar".

De acordo com a Portaria GP nº 12/2018, publicada no DEJT desta terça-feira (6), assim que localizado o objeto ou documento e não sendo possível a identificação imediata do dono ou legítimo possuidor, o item será identificado e autuado, salvo os materiais perecíveis ou de rápida degradação, que serão imediatamente descartados.

Para achar os donos dos itens, a Secretaria de Segurança divulgará os objetos perdidos na plataforma de editais do Conselho Nacional de Justiça e no portal do TRT-2. A partir da divulgação, o interessado tem 60 dias para retirar o item no local informado na publicação.

Decorrido esse prazo, a secretaria providenciará o desfazimento dos bens de pequeno valor. Documentos nominativos, por exemplo, serão encaminhados aos Correios, que oferece o serviço de “Achados e Perdidos”, ou ao órgão emissor; já os cartões de crédito ou débito, talões e folhas de cheque serão entregues à agência bancária mais próxima da unidade do Tribunal que guarda o bem.

Poderão retirar o objeto ou documento o dono ou legítimo possuidor que o reivindicar, por meio de termo próprio. Todavia deverá ser feita comprovação do vínculo com o bem ou ainda descrição de características e peculiaridades inequívocas do item.

Para que o trabalho de devolução dos objetos seja efetivo, aquele que localizar algum material nas instalações do TRT-2 deve encaminhá-los à Secretaria de Segurança Institucional, por meio dos servidores da Seção de Segurança.